Viagem Sentimental #Assemblage

Francisco Camacho

Viagem Sentimental começa em 2017 a convite da organização DeVir/Capa e, tendo sido um processo criativo altamente estimulante e gratificante para o artista, prosseguiu com o projeto, abrangendo outras regiões e realidades do país, realizando diferentes espetáculos a partir de uma metodologia de trabalho comum.

“Viagem Sentimental” é um projeto do coreógrafo Francisco Camacho que se centra na pesquisa de uma determinada zona geográfica para a construção de um espetáculo que reflete essa observação dos locais onde se desloca.

Foi sendo concebido tendo por base os seguinte eixos principais – identificação de festividades e ritos da região envolvente, no sentido de os revisitar, desenvolvendo uma linguagem de movimento que estrutura a coreografia; recolha de informação sobre figuras notórias da terra, seja porque se distinguiram na sua intervenção profissional, social ou cultural, sejam porque mantém um papel importante no imaginário local, sendo figuras singulares – típicas ou atípicas pela sua excentricidade; participação de habitantes locais sempre que possível. A reelaboração dos materiais recolhidos previa o desenvolvimento de cenas do espetáculo que evocam essas figuras, numa linha de trabalho habitual no coreógrafo, conhecido pela abordagem de personagens, que passa também pela escrita de textos a serem ditos ao vivo ou em gravação, ou ainda projetados. Num outro plano, através do jogo de cruzamento da biografia pessoal do coreógrafo com as das figuras locais, o público tinha um acesso mais estreito ao criador, por via de uma intimidade maior e um relativo despojamento na sua presença ao vivo.

Neste momento a Viagem Sentimental começa a encerrar o primeiro ciclo de criações, estando a ser criado um projeto que seja capaz de simbolizar e unificar todas as “viagens sentimentais” e as comunidades por onde passou ao longo destes anos: Nesse sentido apresentaremos no Ciclo Micro Clima um primeiro estudo de processo dessa Viagem Sentimental Assemblage.

Ficha Técnica


Coreografia e Interpretação Francisco Camacho
Direção técnica, desenho de luz e vídeos Hugo Coelho
Produção EIRA | Marta Vieira, Teresa Brito e Tiago Sgarbi
Agradecimentos Devir-Capa, José Laginha, Diego Lasio
Ao utilizar este website está a concordar com a utilização de cookies de acordo com a nossa política de privacidade.
aceito